Tragédias humanas

A gente por aqui vez ou outra pensa: "que bom que no Brasil não tem essas coisas de furacão e terremoto!". Mas a perspectiva de uma catástrofe dessas deixa a vida mais forte, porque a adversidade gera força, resistência, superação. Em lugares onde essas tragédias são comuns, os homens se ajudam, procuram tornar a vida do outro mais fácil, já que é tão difícil escapar aos efeitos da violência da natureza.


E nós aqui? Não sabemos o que seja 'violência da natureza', fomos deitados "eternamente em berço esplêndido" e parecemos dormir o sono dos justos. É por isso que por aqui a catástrofe não é natural, mas humana: somos vítimas da ação violenta de outros homens, sofremos as mazelas da burocracia e da criminalidade como se fossem tragédias naturais. Mas não são, nem deveriam ser.


O problema é que perdemos a força de resistência, talvez nunca a tivéssemos de verdade, contra a violência de nossos pares. 'Brasileiro contra brasileiro' é o lema em um lugar onde não se está unido para superar as adversidades naturais. A única, e a pior, adversidade por aqui somos nós mesmos.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags

Escola de Escrita - Mathias de Alencar

Copyrights © 2018 Mathias de Alencar. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Grey Instagram Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Blogger Icon